Brasões – BPAmb

BATALHÃO DE POLICIAMENTO AMBIENTAL (BPAmb)

Autoria do Brasão:

Maj QOC GLAUCO CÉSAR DA SILVA PAIVA

Descrição Heráldica:

Maj QOC GLAUCO CÉSAR DA SILVA PAIVA

Apoio Técnico:

Cb QPC PÉTALA PEREIRA DE SANTOS MEDEIROS

Brasão:

• Escudo peninsular português, chefe com dois campos, em faixa, o superior de goles e o inferior de sable, contendo a inscrição “BPAmb”, em ouro, cortado, o primeiro de prata, com um par de bucaneiras (garruchas) em aspa, de ouro, cosidas de sable, partido, de prata, com uma asa aberta terminada por uma garra, tudo de goles, empunhando uma flecha de sable com ponta de prata, o segundo de prata com três faixas, de sinopla, de brown e de blau, sobrepostas por uma manopla de sua cor.

Simbologia e alusão das peças:

• As bucaneiras (garruchas) representam a Polícia Militar, Instituição da qual fazem parte os integrantes do BPAmb;
• A asa com a garra empunhando a flecha simbolizam a segurança, agilidade e perspicácia do Batalhão nas ações em defesa do meio ambiente, da sociedade e da manutenção da ordem pública; e
• As faixas de prata, sinopla, brown e blau representam, respectivamente, o céu, as matas, a terra e o mar, sob a proteção do Batalhão, simbolizado pela manopla.