Aula inaugural marca abertura do ano letivo do Proerd na Paraíba

O Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência (Proerd) da Polícia Militar da Paraíba realizou, nesta quinta-feira(16), a aula inaugural que marcou o início do ano letivo 2017. No ano de 2016, o programa formou 48.530 crianças e adolescentes de escolas públicas e particulares.

As ações de prevenção primária com o incentivo ao combate às drogas e a violência, reforçado pelos policiais às crianças e adolescentes, já chegou a mais da metade das cidades paraibanas, totalizando 132 municípios atendidos e priorizou a formação de crianças já a partir dos 4 anos de idade, além de também realizar a formação de pais, com orientações sobre como perceber sinais de envolvimento com as drogas e violência nos filhos, trazendo a proposta de reforço do diálogo dentro da família.

Para o comandante geral da PM, coronel Euller Chaves, programas como o Proerd são instrumentos de prevenção fundamentais no combate à violência. “Acreditamos que as ações do Proerd têm um alcance real na vida de muitas famílias, onde as crianças orientadas pelo programaacabam tornando-se multiplicadoras do que aprendem com os policias durante as palestras ministradas”, frisouo comandante.

A coordenadora estadual do programa na Paraíba, capitã Polyanna Laura, disse que a pretensão é que em 2017 o número de crianças e adolescentes alcançados pelo Proerd chegue a pelo menos 60.000 aumentando a abrangência do Programa em todo Estado. “Temos a previsão de realizar um curso de formação de instrutores em Campina Grande e expandir a Ronda Proerd para o município.Com planejamento e dedicação de cada um dos instrutores, o apoio do comandante geral e a parceria das escolas, pretendemos aumentar o número de crianças atendidas e estreitar ainda mais os laços entre a Polícia Militar e a sociedade”, destacou.

Ronda Proerd – A Ronda Proerd, que funciona com policiais especializados com o programa realizando visitas nas escolas e promovendo a segurança nesses espaços, foi responsável por 30% das formações obtidas em 2016, com 14.419 alunos atendidos em 95 escolas dos bairros do Jardim Planalto, Mangabeira, Bancários, Valentina, Muçumagro, Penha, Paratibe Colinas do Sul, Cristo Redentor, Geisel, Jaguaribe, dos Novais, Funcionários I e Oitizeiro, na Capital.
Área de anexos